PUBLICIDADE

Rio de Janeiro / Polícia

A maior apreensão de cocaína da história do RJ; cinco toneladas da droga estavam em contêineres no porto

A Polícia Federal do Rio de Janeiro apreendeu, na noite nesta terça-feira (5), 5 toneladas de cocaína no porto do Rio, o que representa um recorde histórico de apreensão da droga no estado.

Agentes da PF e da Receita Federal, encontraram primeiro 4,3 toneladas de cocaína em contêineres, que tinham como destino o país de Moçambique, na África. A droga estava escondida dentro de caixas de sabão em pó.

No momento em que os policiais estavam descarregando o primeiro contêiner, outra equipe da PF e da Receita Federal localizaram outro contêiner com mais aproximadamente 700 kg de cocaína acondicionadas em caixas de sabão em pó.

O recorde anterior era do ano passado, quando agentes apreenderam 2,5 toneladas de cocaína em um único dia. Durante todo o ano de 2020, foram apreendidas 4 toneladas da droga. Nesta terça, a apreensão de 5 toneladas ocorreu em apenas uma noite.

A apreensão foi feita por policiais federais da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) e da Missão Redentor e auditores da Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho (Direp), da Receita Federal no Rio.

Os agentes receberam a informação durante a manhã, através do Dique Denúncia, e deflagraram a operação.