PUBLICIDADE

Rio de Janeiro / Cotidiano

Distribuição de água gratuita no carnaval do Rio é obrigatória

Distribuição de água gratuita no carnaval do Rio é obrigatória

O início do desfile dos blocos de carnaval começa oficialmente amanhã! Os tradicionais blocos de rua do Rio de Janeiro vão contar com postos com abastecimento de água sem cobrança para a população.

A segurança também será reforçada e os banheiros químicos ficam disponíveis durante todo o período de carnaval. Não é de hoje que multidões de foliões se reúnem em aglomerações de grande escala.

O Cordão da Bola Preta é um exemplo de megabloco que acumula cerca de 1 milhão de pessoas de baixo de sol e em temperaturas elevadas. O intenso calor do Rio de Janeiro já é conhecido de muitos, ainda mais no verão.

Contudo, neste ano os cariocas estão passando por um sufoco maior. Os efeitos climáticos resultantes do aquecimento global e do El ninho foram os responsáveis por tal mudança.

Um dos dias mais quentes do ano passado foi justamente em 17 de novembro, quando Ana Clara Benevides faleceu durante o show da cantora Taylor Swift, chamado de The Eras Tour. O evento aconteceu no Estádio Olímpico Nilton Santos, Rio de Janeiro, que contou com mais de 60 mil fãs.

No dia 17, a sensação térmica chegou a 60 graus e mil pessoas desmaiaram durante o show. Infelizmente, o laudo do Instituto Médico Legal (IML) confirmou o motivo da morte de Ana Clara: Exaustão térmica causada pelo calor.

Depois desse acontecimento inúmeros se manifestaram por justiça. Devido à luta dos fãs e a repercussão do caso, a Lei Ana Clara Benevides já faz parte da constituição.

A lei declara que “dispões sobre a obrigatoriedade do fornecimento gratuito de água potável e estrutura adequada nos festivais, shows e eventos com aglomeração de pessoas”.

Distribuição de água gratuita no carnaval do Rio é obrigatória