PUBLICIDADE

Rio de Janeiro / Cotidiano

Solange Couto: “Meu Natal inesquecível foi o que descobri que Papai Noel existe”

Ao longo da vida., o Natal nos reserva inúmeras emoções e  momento únicos em família, junto aos que amamos… Personalidades revelam à Mais Rio de Janeiro,  momentos comoventes ou divertidos que viveram e em um Natal inesquecível. Confira:

“Eu acredito em Papai Noel”

“Quando eu tinha 8 ou 9 anos minha mãe dizia que Papai Noel não existia. Ela comprava um presente antes do natal e me entregava. A gente sempre passava o natal sempre na casa de tinha mais 8 crianças e seu cheguei com o meu debaixo do braço, uma boneca. Por volta da meia noite eles todos foram para o quarto, espiando pela fresta,  dizendo que Papai Noel iria chegar. E eu fiquei rido do lado de fora. Qual não foi minha surpresa quando ouvi o sininho tocando e um homem chegou vestido de Papai Noel, cumprimentou todo mundo, deixou vários presentes embaixo da árvore, olhou pra mim e disse: ‘você não me escreveu uma cartinha, por isso não trouxe presente para você’. Eu chorei muito e constatei, naquele dia, que Papai Noel existe sim. Fiquei muito chateada com a minha mãe, que na minha cabeça, havia mentido para mim a vida inteira. Então eu acredito em Papai Noel. Amo Papai Noel. E na minha casa ele sempre vem. Veio sempre pra minha filha Morena, durante a infância inteira, e hoje ainda vem para o benjamim, que também acredita em Papai Noel. Então meu Natal Inesquecível foi o que descobri que Papai Noel existe sim.

Solange Couto, atriz

Foto: Reprodução Instagram

”Vi Deus nesse Natal”

Xuxa contou que seu Natal inesquecível. “Foi em Coroa Grande, no Rio. “Vi uma linda cena que NUNCA mais saiu da minha cabeça. Minha mãe colocou o disco de vinil pra tocar músicas de Natal e começou a arrumar a mesa na varanda. Minha avó estava vendo e minha mãe pegou na mão da minha sobrinha, que na época tinha uns 4 ou 5 anos, e começou a dançar”. A apresentadora conta que sua irmã se juntou a elas e sua avó também: “Depois de alguns minutos também vovó segurou na mão de minha mãe. Naquele momento eu pude ver o significado do Natal: a família reunida perto da ceia, da árvore, com alegria e 4 gerações reunidas: minha avó, mãe, irmã e sobrinha. Nunca mais me esqueci o que é o Natal. Se Deus é amor, eu vi Deus nessa cena”.

Xuxa Meneghel, apresentadora

Foto: Blad Meneghel

Papai Noel com cheirinho de vovó

Fafá de Belém conta que teve muitos natais inesquecíveis na infância. Mas hoje em  dia já não dava tanta importância à data. Isso mudou com o nascimento das netas da cantora. “Minha filha Mariana sempre chama um Papai Noel para a festa. Viajei pra nova York e voltei vestida de Papai Noel , com toda aquela barba e carregando um saco de presentes. O papai Noel contratado entraria pela porta dos fundos . Mas eu entrei pela porta da frente. Nem Mariana, nem o marido Kiko me reconheceram e ficaram sem entender nada. Só a Lalá (a neta Laura) me reconheceu. Disse que o Papai Noel tinha ‘cheirinho e vovó’. Me escondi na cozinha e o outro Papai Noel pode fazer o papel dele”.,

Fafá de Belém, cantora

Foto: Reprodução

O banco quebrado do Bom Velhinho

“Confesso que quando era criança eu não gostava muito do Natal. Ficava muito ansiosa, sonhando encontrar meu Pai e quem sabe ganhar um presente, o que nunca aconteceu. O Natal só ficou alegre quando minha filha nasceu. Em um deles, Luana era pequena e a família toda comprou presentes, roupa de Papai Noel, biscoitos, meia, meu irmão vestiu a fantasia… Estávamos tão ansiosos e atrapalhados que, na hora de colocar presente, quebrou o banquinho de mosaico e as meninas quase viram. Luana olhou o banco quebrado e falou ‘mãe que bom que banquinho tava aqui. Ajudou o Papai Noel a sair pela janela, quebrou mamãe, mas foi por um bom motivo’. Foi lindo, nós adultos voltamos a ser crianças”.

Simone Soares, Atriz

Foto: Arquivo Pessoal

Brincadeira do copo na Noite Feliz

Era dia de festa de Natal do  Colégio Marista São José, no Rio, em 1988. Estudei lá a vida inteira e a atriz Flavia Monteiro era minha colega lá. Minha turma era do balacobaco e, no meio da festa de Natal, eu resolvi sugerir para a gente fazer aquela brincadeira do Copo. Todos foguentos, toparam na hora e fomos para uma sala da direção, achando que ninguém entraria.  Mas um padre marista e eu comecei a me sacolejar todo, fingindo que estava recebendo alguma entidade… O padre-diretor suspendeu todos nós. E a festa acabou ali.

Cacau Hygino, ator e escritor

Foto: Divulgação

Felicidade em forma de música

“Meu Natal inesquecível foi em 2009, porque foi a primeira vez nessa data que estava toda família reunida, na minha casa em Copacabana, Zona Sul do Rio de Janeiro. Cantamos juntos uma música minha, Eu sou Eu, versão que fiz da música I´m yours, do Jason Mraz. Fiquei muito feliz!!!”.

Fábio Keldani, ator e cantor

Foto: Rafaella Siqueira

Emoções em família

Meu Natal inesquecível aconteceu em 2005, quando minha família conseguiu reunir, em S. Luís do Maranhão, um número imenso de parentes. Coisas de família grande. Uma boa parte não se conhecia e foi emocionante demais. Alegria e afeto foram os melhores presentes.

Deo Garcez, Ator

Foto: Zacky Barreto

Natal carga pesada no Piauí

“Eu tinha um show marcado para 24 de dezembro na cidade de Simões, no Piaui. Inicio de carreira, tudo muito difícil, e o ônibus quebrou na estrada. Fomos caminhando, carregando todo o equipamento e chegamos ao palco em cima da hora, quase meia noite. Não pude tomar banho, comer e ainda tive que agüentar as vaias e gritos de protesto”, lembra. Mas no fim tudo deu certo e os aplausos vieram. “Foi só cantar a primeira música para o público delirar. Falei que cantaria ate o sol raiar pra compensar o atraso e assim foi. Maravilhoso! É a prova de que quando a gente luta, persiste, tudo dá certo”.

Frank Aguiar, cantor

Foto: Reprodução

Presente perfeito em forma de princesa

O Dj e modelo Jesus Luz conta a respeito de um Natal que marcou sua vida:  “Meu Natal inesquecível foi meu primeiro com a Malena! Ela foi super disputada! Fomos a casa de vários familiares, mas eu estava tão feliz de ser pai que nem liguei para isso! A Malena é a maior benção e o maior presente de Natal!”, conta o pai orgulhoso da fofíssima princesa, filha de seu casamento com a também DJ Carol Ramiro.

Jesus Luz, DJ

Foto: Fagner Soares