PUBLICIDADE

cotidiano

Turismo: Campos do Jordão, a Suíça Brasileira

Com linda arquitetura, paisagens naturais únicas e atrações variadas, cidade é um convite ao descanso e lazer

Por Claudia Mastrange

Uma cidade de arquitetura europeia e cercada de montanhas, localizada no interior de São Paulo, mais precisamente na Serra da Mantiqueira, que contempla todo o charme Suíço no Brasil. Referência em gastronomia e hospedagem, o destino possui paisagens únicas e elementos que fazem com que a viagem seja diferenciada.

Seja a dois, com a família ou com os amigos, Campos do Jordão é a rota perfeita e cheia de atrações em meio à natureza e programas culturais para todos os gostos.

No inverno, o movimento é mais intenso. O cenário é perfeito para os passeios que envolvem os principais pontos turísticos da cidade. A temporada de inverno de Campos do Jordão vai desde o feriado de Corpus Christi até o mês de agosto, atingindo seu auge durante o mês de julho, que é quando acontece o tradicionalíssimo Festival de Inverno de Campos do Jordão.

O charme do clima da montanha cria um ar romântico e encantador neste destino da Mantiqueira Paulista.

Como chegar a Campos do Jordão?

De carro

O melhor, mais rápido e o principal acesso, independentemente se você vai de São Paulo ou Rio de Janeiro, é pela Rodovia Presidente Dutra (BR-116). Chegando a Taubaté, pegue a saída para a Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro (SP 123). São cerca de 50km até Campos do Jordão.

De avião

Para quem deseja ir de avião, a melhor opção é desembarcar no aeroporto de Guarulhos, que fica cerca de 155 km, e de lá alugar um carro ou pegar um ônibus para São José dos Campos e depois pegar outro ônibus para Campos do Jordão.

De ônibus

Não existe linha direta de ônibus de São Paulo para Campos do Jordão. Tanto do aeroporto de Guarulhos, como do terminal Rodoviário do Tietê, você terá que pegar um ônibus para São José dos Campos e outro de lá para Campos do Jordão.

O que fazer em Campos do Jordão?

Vila Capivari

O bairro mais famoso e turístico de Campo do Jordão é a Vila Capivari. Essa é a região mais bonita e cuidada da cidade. A maioria das construções deste local tem estilo europeu.

Essa também é a parte da cidade que possui mais galerias e lojas de roupas, chocolate e produtos turísticos. Para quem quer comprar presentes ou lembrancinhas, este é o lugar que você encontrará mais opções.

O Capivari é o centro gastronômico e onde concentra a vida noturna da cidade. Por isso, você encontrará na região diversos bares e restaurantes.

Comer bem no polo gastronômico da cidade

Campos do Jordão carrega a fama de ser um destino gastronômico. A cidade tem grande quantidade de restaurantes de diferentes estilos e gêneros. Os preços não são baixos, especialmente, se você comparar com a média do Brasil. Contudo, a culinária é sofisticada e muito bem avaliada.

Como Campos do Jordão é um destino com baixas temperaturas, o prato mais famoso na cidade é o fondue, que está disponível em muitos restaurantes. A truta, um peixe de regiões frias, também está presente nos cardápios.

Fábrica de chocolate

Campos do Jordão ficou famosa por suas fábricas de chocolate caseiro. Há dezenas de lojas de chocolate, especialmente no bairro do Capivari. Para quem gosta de chocolate, vale a pena se deliciar com barrinhas, trufas ou chocolate quente.

Ainda é possível visitar uma fábrica. A Chocolate Araucária recebe visitantes para conhecer a história do chocolate e acompanhar a produção. A Cacau Show também possui uma loja-fábrica na cidade.

Cervejaria Baden Baden e tour pela fábrica

A Cervejaria Baden Baden foi fundada em 1999, em Campos do Jordão, e ficou conhecida pela qualidade de suas cervejas artesanais. Devido à fama, ela foi, inclusive, vendida para o grupo Heineken em 2017.

A Baden Baden possui um bar-restaurante em Capivari, que costuma ficar bem cheio. Para quem deseja conhecer sua fábrica, há o Baden Baden Tour, uma visita guiada de 50 minutos, onde é possível conhecer a história da marca e as etapas do processo de fabricação da cerveja.

Vale dizer que a fábrica fica localizada na saída da cidade a 7 km do Capivari. O percurso deve ser agendado, com antecedência, pelo site.

Parque Capivari e os pedalinhos

Outra atração é o parque cujo nome é igual ao do famoso bairro da cidade. O espaço é aberto, local de embarque do bondinho.

Os pedalinhos são tradicionais no parque e divertem quem deseja praticar exercício. São dois tipos. O comum, que é o modelo branco e coberto, chamado de americano, com capacidade para até 3 adultos. O modelo Caravelas é mais interessante e comporta dois adultos e duas crianças.

Os pedalinhos funcionam todos os dias da semana. Para ver preços, horários de funcionamento e fazer reservas, acesse o site do Parque Capivari.

Teleférico  Campos do Jordão

O famoso teleférico de cadeirinhas é uma dos roteiros mais procurados.

O trajeto do teleférico de Campos do Jordão parte do Parque Capivari e vai até o Morro do Elefante. É um passeio de menos de 5 minutos.

 

Ducha de Prata

É formada por várias quedas d’água artificiais.

As lojas ao redor das duchas vendem artesanatos, roupas e doces com preços melhores que em Capivari.

Museus

A  cidade tem alguns museus. Há três que valem a visita: Felícia Leirner, Palácio Boa Vista e Casa da Xilogravura.

O museu Felícia Leirner tem espaço ao ar livre, onde obras de arte e natureza se misturam. Dedicado à escultora Felícia Leirner (1904 – 1996), nascida na Polônia e radicada no Brasil, o museu reúne 85 obras da artista feitas em bronze, cimento branco e granito. As esculturas ficam espalhadas pelos gramados e jardins de araucárias. Funciona de terça-feira a domingo, das 10h às 16h, e os ingressos custam R$ 5.

O Museu Casa da Xilogravura também é ótima atração. É, inclusive, o único do gênero no país. Para quem não conhece, trata-se de uma técnica milenar em que se esculpe uma matriz de madeira e a utiliza para “imprimir” no papel, gerando gravuras.

Palácio Boa Vista, o Palácio do Governador de SP

O Palácio Boa Vista, também conhecido como do Governo, é a residência de inverno do governador de São Paulo. Inaugurado em 1964 e aberto ao público em 1970, o palácio tem 3200 metros quadrados e 105 cômodos, sendo alguns decorados com mobílias dos séculos 17, 18 e 19.

O palácio também abriga um acervo com mais de 3 mil obras de arte, entre elas, de renomados pintores como Portinari, Di Cavalcanti, Tarsila do Amaral.

O funcionamento é de quarta-feira a domingo, das 10h às 17h.

 

Parque Amantikir e seus 28 jardins

Localizado em uma região da Serra da Mantiqueira, o Amantikir é um parque que reúne 28 jardins, com 700 espécies de plantas de diferentes regiões do mundo. O parque não é grande, mas possui alguns jardins bem bonitos que rendem boas fotos.

Morro do Elefante e Parque dos Elefantes

O Morro do Elefante é um mirante de Campos do Jordão conhecido por ser o destino do Teleférico. Apesar de a vista do mirante ser bonita, o local é visitado, sobretudo, por fazer parte do trajeto para o Parque dos Elefantes.

Próximo ao ponto de chegada do teleférico fica o Parque dos Elefantes. Com entrada gratuita, o local tem várias estátuas de elefantes e é mais indicado para crianças.

Lá está o famoso letreiro “Campos do Jordão”, um dos pontos preferidos para se fazer selfies na cidade.

Horto Florestal

O Parque Estadual de Campos do Jordão, mais conhecido como Horto Florestal, é o principal ponto turístico para quem gosta de natureza. São 8300 hectares e 12 km de trilha.

Considerado o mais antigo parque estadual de São Paulo, criado em 1941, abriga uma região de Mata Atlântica preservada com campos de araucárias e pinheiros.

Você encontrará áreas para fazer piquenique, churrasqueiras e viveiro de plantas. Com relação às trilhas, as principais são a da Cachoeira, com 4,5 km de extensão, e a dos Campos do Timoni, com 3 km.

Há também atividades, como arvorismo que inclui 9 travessias. A tirolesa é outro destaque que fica em um ponto alto que é acessado por 25 minutos de caminhada por uma trilha. No valor da tirolesa está incluído o guia pela trilha.

Pico do Itapeva e sua bela vista

O Pico do Itapeva é um dos maiores picos do Brasil, com 2030 metros de altitude, e proporciona uma vista panorâmica de 15 cidades da região. Localizado em Pindamonhangaba, cidade vizinha. Contudo, por estar a cerca de 10 km do Capivari, é um ponto recorrente nas listas do que fazer em Campos do Jordão.

Tarundu e Borboletário, opções para crianças

Se você busca o que fazer em Campos do Jordão com crianças, o Tarundu é uma das principais opções. Antigamente, era um haras, hoje é um complexo de lazer com mais de 10 atrações.

Destacam-se passeio a cavalo, Tirolesa High Fly de 450 metros, Arvorismo, PaintBall e patinação no gelo. Ainda, há algumas versões light para crianças, como o Arvorismo Light, Tirolesa light e passeio de pônei.

Fotos: Reprodução